• Tiago Bragnoli

A Associação dos Advogados de São Paulo sugere ao Judiciário adoção do PIX

Com o objetivo de facilitar a atuação da advocacia, a Associação dos Advogados de São Paulo - AASP enviou ofícios ao Conselho Nacional de Justiça, Conselho Superior da Justiça do Trabalho, Tribunais Regionais Federais, Tribunais Regionais do Trabalho e Tribunais de Justiça, sugerindo a realização de convênio com a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil para viabilizar o pagamento de custas e despesas processuais, depósitos judiciais e recursais por meio do sistema PIX.


Conforme amplamente noticiado, o PIX já vem sendo aceito em larga escala, inclusive para recolhimento de impostos, contribuições sociais e taxas, especialmente em âmbito federal, a exemplo da guia eSocial, Simples e GRU. Diante das facilidades que esse sistema oferece, sua adoção por todos os órgãos do Poder Judiciário criará uma alternativa aos meios tradicionais de pagamento, contribuindo para a simplificação do exercício profissional da advocacia.


Confira a lista de tribunais que já aceitam PIX como forma de pagamento: TJDFT, TJPB, TJM, TJPE, TRE/RJ, TRE/SP, TRE/DF, TRE/RS e TRE/BA.


Sobre o escritório:

Fundada há 78 anos, a AASP - Associação dos Advogados possui aproximadamente 80 mil associados em todo o território nacional, tendo por principal missão potencializar e facilitar o exercício da advocacia. Seus associados usufruem de cursos sobre os mais relevantes temas jurídicos, além de produtos e serviços de excelência como intimações on-line, revistas e boletins periódicos, clipping diário de notícias, avançado sistema de pesquisa de jurisprudência, modernos programas de gerenciamento de processos e do próprio escritório, emissão e renovação de certificado digital, entre outros.


Leia também: Aprovada lei de proteção para entregadores de aplicativos

5 visualizações0 comentário